English Version

AZUL PARA ACOLHER

12/09/2016

A obra ampliou o segundo piso deste duplex e a decoração favoreceu tons que ampliam a sensação de acolhimento

Quando se mudou para este apartamento de 90 m², na Vila Nova Conceição, o proprietário trouxe os móveis da antiga casa e não fez nenhuma intervenção no espaço. Mas o resultado, para ele, ficou sem graça demais. “O cliente nos procurou para transformar todos os ambientes. Faltava uma identidade e também um pouco de aconchego”, conta a arquiteta Lívia Fischer, do escritório de arquitetura Figueiredo Fischer, responsável pela reforma.

A maior mudança feita durante a obra está no andar superior, que foi totalmente ocupado pela suíte e o closet, área que antes abrigava uma pequena sala. “Como o living tinha pé-direito duplo, conseguimos expandir o mezanino e criar uma área íntima muito maior”, explica o arquiteto Gustavo Figueiredo.

No piso inferior, a sala também pôde ser ampliada e agora ocupa uma parte do espaço que antes pertencia ao lavabo e a um depósito embaixo da escada. para a decoração, a opção foi por móveis em tons de azul – cor preferida do proprietário -, madeira e tijolos, que revestem a parede. “Para renovar completamente o apartamento, refizemos o projeto de iluminação. Novos focos de luz são capazes de transformar”.

Matéria publicada por, O Estado de São Paulo em 17 de julho de 2016

1° FOTO. O azul, cor escolhida para a decoração, está também nas cadeiras, garimpadas em antiquário.

2° FOTO. Na sala de estar, a parede é revestida com tijolos da Palimanan. O sofá é de Jader Almeida para a Dpot.

3° FOTO. Depois da obra, a cozinha foi integrada ao resto do living. Os azulejos geométricos, da Lurca, quebram a sobriedade do mobiliário preto.

4° FOTO. A parede de espelho fumê esconde o lavabo. O tipo de espelho escolhido é mais discreto, e, segundo os arquitetos, não fica tão gritante na decoração.

5° FOTO. Além de apoiar quadros, a estante feita sob medida esconde gavetas. Estratégia para melhor aproveitamento do espaço.

6° FOTO. O andar de cima, depois da obra, foi ocupado totalmente pela suíte Na foto, detalhe da cabeceira, de linho, para deixar o ambiente mais acolhedor.

7° FOTO. Na suíte, a cabeceira foi revestida com linho para deixar o lugar mais acolhedor.