English Version

PRÊMIO DESIGN DO MUSEU DA CASA BRASILEIRA: PEÇAS ELEGANTES E FUNCIONAIS

10/11/2015

Simplicidade e elegância sim. Mas sem esquecer do dinamismo e da funcionalidade. Foi essa a receita do sucesso dos vencedores do 29° Prêmio Design MCB, anunciados no fim de outubro. Realizada desde 1986 pelo Museu da Casa Brasileira, a premiação é uma das mais conceituadas do país.

Este ano foram 532 os inscritos em oito categorias, incluindo mobiliário e iluminação. Como critérios de avaliação, contam pontos a adequação ao mercado e ao público alvo, qualidade e segurança, além de originalidade e viabilidade. Para o coordenador do júri, o arquiteto Artur Mausbach, o protagonismo das luminárias entre as propostas foi um dos principais diferenciais do concurso este ano. “Elas estão cada vez mais atraentes, se tornando as estrelas dos ambientes.”

Entre os móveis, a madeira continua em alta. “A quantidade de móveis que envolve marcenaria é muito grande”, afirma Mausbach, pontuando a predileção pela madeira e por processos mais artesanais de produção. Os projetos premiados estarão em exposição no museu, a partir do dia 26 de novembro.

FOTOS:
01 - Banco Frida, de Carolina Starke e Andrea Zanocchi, 2º lugar
02 - Banco Ratoeira, de Mariana Betting e Roberto Hercowitz, 1º lugar
03 - Luminária Ani, de Domingos Pascali e Sarkis Semerdjian, menção honrosa
04 - Mesa Twist, de Jader Almeida, menção honrosa
05 - Poltrona Kei, de Marcelo Ligieri, 2º lugar
06 - Clad, de Jader Almeida, menção honrosa

Matéria publicada no jornal O Estado de S. Paulo