English Version

CASA COR RIO: O JEITO CARIOCA DE MORAR

20/10/2015

Mostra de decoração, que ocorreu até 4/10, ocupou sobrados de uma vila centenária restaurada na Ladeira da Glória

Para comemorar seus 25 anos, a Casa Cor Rio escolheu um cenário especial para montar os 42 ambientes de 62 arquitetos, designers de interiores e paisagistas: os sobrados construídos em 1908, recentemente restaurados, da Villa Aymoré, no bairro da Glória. “Esse lugar é especial, fez a diferença nesta edição”, afirma Patricia Quentel, organizadora da mostra com a sócia, Patricia Mayer.

Os profissionais não tiveram de seguir um tema, mas foram “instigados” a mostrar em seus projetos o “jeito de morar carioca” – e foi o que aconteceu, segundo as organizadoras. “São ambientes chiques, despojados, coloridos. Até Marina Linhares, que é de São Paulo, entrou no clima”, diz Quentel. “Sem contar que os profissionais adoraram a vila, onde puderam explorar a mistura de antigo e contemporâneo.”

A configuração do terreno da vila, que tem cerca de 5 mil m² de área, permitiu que a visitação pudesse ser feita primeiro por todo o térreo e depois pelo segundo piso. Entre as casas, os pátios foram tomados por jardins, que fazem a ligação de alguns dos ambientes.

O design nacional teve destaque, em reedições ou em sua versão original. No Living da Praia, de Paola Ribeiro, a poltrona Jangada, de Jean Gillon, ganhou revestimento azul. No Atelier 35 Z, a autora do projeto, Lia Siqueira, apresenta uma mesa criada em parceria com o designer Sergio Rodrigues. E Marina Linhares incluiu na sua Casa dos Cocares a poltrona Bowl, de Lina Bo Bardi, que acaba de ser relançada.

Matéria publicada no jornal O Estado de São Paulo