English Version

APÓS DESISTIR DE VENDA, ETNA TENTA RECUPERAR EXPANSÃO

27/07/2015

Daniela Maia, da Etna: “Para proteger margem e ter demanda, temos que vender por até o dobro do preço vendido lá fora”.

Após o plano de venda de parte da companhia para fundos de investimento não sair do papel, a varejista de móveis e decoração Etna busca formas de voltar a crescer organicamente, com recursos próprios.

Num período de expansão abaixo da esperada ¬ reflexo da crise econômica ¬ e pressões maiores nos custos, a companhia vai tentar recuperar ritmo de aberturas, voltando a abrir lojas em 2016 ¬ dois anos após a última inauguração. E começou um projeto de fechamento de parcerias com marcas estrangeiras para renovar portfólio. A Etna soma 18 lojas e é controlada pela família Kaufmann, dona da rede Vivara.

matéria publicada no jornal Valor em 16 de julho de 2015.