English Version

BIBLIOTECAS: UM CLUBE DO LIVRO

13/07/2015

Sem medo da invasão digital, o canto da leitura ganha áreas sedutoras e serenas pela casa, conquistando as novas gerações. É o caso destes três projetos pensados para o prazer de ler.

Sob a Escada.

Na residência vitoriana, o desnível de quase 1m no estar foi aproveitado com nichos de MDF. Até os degraus acolhem a biblioteca. “É o centro da vida familiar”, celebra o arquiteto britânico Richard De Boise, do Zminkowska De Boise Architects.

No Mezanino.

Um esconderijo para ler?

Este ficou perto do teto, no vão de 1,40 m do apartamento em Tóquio. A reforma da Sinato usou painéis de tília sustentados por vigas de madeira. “Essa adição de espaço redefiniu a moradia”, afirma o arquiteto Chikara Ohno.

Entre Cubos.

Parte assento, parte estante, a estrutura de aço idealizada pelo estúdio Architectures, em Paris, foi chumbada cobrindo 19 m² da parede do living. As prateleiras são soldadas já que a ideia era criar uma peça não só para os livros como também para as crianças brincarem.

matéria publicada na revista arquitetura & construção em maio de 2015.