English Version

DÁ VONTADE DE VOLTAR A ESCREVER Á MÃO

11/05/2015

Cartões, papéis de carta e convites sofisticados atraem consumidores que querem surpreender em tempos de mensagens virtuais.

A empresária Roberta Damasceno, símbolo de estilo no cenário carioca e proprietária da Dona Coisa, charmosa loja no Jardim Botânico, na Zona Sul do Rio, que reúne “Coisas que encantam”, segundo a própria dona, costuma dizer que, em tempos de comunicação digital, lixo mesmo é receber um lindo cartão escrito à mão. Entre as peças mais preciosas de sua coleção particular está uma caixa para guardar lembranças.

Nesta caixa, estão reunidas mensagens, cartas e cartões que recebi e guardo como se fossem joias. São histórias de um a vida inteira. Nessa coreria dos dias atuais, um cartão exclusivo feito com papéis diferenciados e escrito a mão é presente surpreendente, que marca sempre quem recebe”, comenta Roberta.

Entre os objetos que estão distribuídos pelas vitrines e prateleiras da Dona Coisa estão os cartões da coleção Nina Write, um linha com papéis diferenciados e design exclusivo, desenvolvida pelas sócias Anna Luiza Padua, publicitária com trabalho mais focado em criação e artes gráficas, e Fernanada Froes, designer formada pela ESDI (Escola Superior de Desenho Industrial).

Criados para quem aprecia detalhes e texturas, os cartões Nina Write são apresentados pela frase “palavras.” Cinco imagens adornam delicadamente os cartões: uma árvore, uma bicicleta uma coroa, um sol e o relevo que simboliza o rio de janeiro, reunindo em um único desenho a Pedra Gávea, o Morro Dois Irmãos, o Corcovado e o Pão de Açucar.

Há três tipos de caixas de cartões Nine Write, inspirados no espírito carioca, em que os símbolos são combinados com diferentes texturas de papéis e cores. Há uma linha em tons vibrantes, uma variação mais sofisticada em cores sóbrias sobre cinza. Mas a surpresa é o interior dos envelopes, adornado com elegantes padronagens de listras.

Depois de trabalharem muitos anos em agências de publicidade Anna Luiza e Fernanda – que, apesar de estarem sempre em dia com a tecnologia, são apaixonados por papéis, cartões e cadernos – uniram o talento para criar a Luferela, uma empresa inspirada no bom gosto da londrina Smythson, sinônimo de luxo e grife quando o assunto é papelaria. Criada em 1887, a Smythson é o templo para quem aprecia design em couro e papel. Entre a seleta lista de clientes estão a atual família real britânica e a cantora Madonna.

Anna e Fernanda assinam hoje coleções de cartões de famílias cariocas e uma infinidade de convites de festas de todos os estilos. Para clientes que valorizam exclusividade e bom gosto. “Nós observamos os clientes, fazemos uma verdadeira entrevista antes de partir para um esboço. Muitas vezes a ideia da estampa da família, que pode estar ligada, por exemplo, a vinhedos ou a uma cidade no exterior, como Veneza”, comenta Fernanda, que impressionou as amigas ao dar forma a um sonho da filha, que pediu uma festa de aniversário sob o tema de “Micróbios”. Fernanda produziu toda a arte visual da festa e dos convites, que despertaram a curiosidade de todos os convidados.

Anna Luiza é uma amante de texturas e frequentadora da Smythson. Mas dá um conselho. “Por mais bonito que seja o cartão ou o papel, não guarde, use com seus afetos. Em sua viagem, comprei uma coleção de papéis da Tifany & Co., não mais fabricados. Um dia resolvi presentear uma amiga e escrever uma mensagem em um desses papéis. Quando os tirei da gaveta, percebi que estavam mofados. Mas resolvi usar o papel assim mesmo. Na mensagem ressaltei que não devemos guardar nada, por mais belo que seja. Devemos usar”, comenta Anna.

A designer paulistana Samara Costa, criadora da grife S-Cards, que assina os convites dos casamentos em que o luxo e o estilo são convidados de honra, confirma a tendência de que há uma valorização da escrita à mão e dos cartões e papéis personalizados. Muito requisitada no mercado de casamentos de luxo, Samara conta que faz questão de conhecer a história dos noivos antes de partir para criação. Atualmente, ela destaca os convites em ouro rosé e os convites digitais com tela LCD, cuja unidade custa a partir de R$250,00.

Matéria publicada na revista Valor em 7 de maio de 2015 por Suzana Liskauskas.