English Version

AS CORES DE LE CORBUSIER

30/06/2014

Sim, o mestre moderno criou paletas únicas, revisitadas em coleção de papéis de parede.

Em homenagem ao grande arquiteto e urbanista franco-suíço, a belga Arte lançou cinco padrões com inspiração em seus materiais e nuances prediletos. É o caso do Squares (fotos), que remete à cartela de tons montada por Le Corbusier em 1959 com a extinta fábrica suíça Salubra, que, na época, a converteu em... papéis de parede. na nova versão, observaram-se o rigor cromático e a variedade de matizes – preocupações do gênio, que também era pintor e elegeu, ao todo, 63 tonalidades próprias para se combinarem. Realizado em parceria com a Fundação Le Corbusier e a Les Couleurs Suisse, o material é fornecido no Brasil pela orlean e vem em folhas de 0,42 x 1,26 m. o metro vale R$ 1 890.
Matéria publicada pela revista Arquitetura e Construção em Junho de 2014.