AMÉRICAS 1500 – SORDO MADALENO ARQUITECTOS

Ame 1

 

Arquitetos: Sordo Madaleno Arquitectos

Localização: Guadalajara, Jalisco, México

Arquiteto Fundador: Javier Sordo Madaleno Bringas

Diretor de Arquitetura: Javier Sordo Madaleno de Haro

Diretor de Projeto: Boris Pena

Área: 57970.0 m²

Ano do Projeto: 2017

Fotografias: Rafael Gamo

Fabricantes: Weber Saint-GobainAtlas Schindler, Constructa

Ame 2

Esse projeto de uso misto que abrigará escritórios e hotel encontra-se no coração da Cidade de Guadalajara. Sua volumetria formal e única expressa sua vontade icônica.

Ame 3

O conceito da sua forma nasce a partir da mesma natureza dos usos mistos que abriga.Trata-se de quatro volumes geométricos sobrepostos. Dois deles com leves lacunas que, na sua fachada posterior encontram-se perfeitamente alinhados. Esses gestos de deslocamento são desenhamos para quebrar a robustez e manifestar um elegante movimento. O volume mais baixo abriga o hotel e os três volumes superiores são destinados ao uso de escritórios para receber três corporações diferentes, cada uma abarcando a totalidade de um volume.

Ame 4

Como resposta ao seu contexto urbano e adjacente de uma das avenidas mais rápidas e importantes da cidade – Av. Américas -, o edifício emerge como uma fachada que parece uma pele dupla que o envolve para sua proteção.

Ame 5

A exposição solar a qual este edifício enfrentará em três das quatro fachadas foi um dos desafios mais importantes de desenho. Por isso, a fachada responde a essa necessidade com uma estrutura de alumínio profunda até o exterior – como uma parede de vidro – desenhada especificamente com o ângulo de inclinação adequado para provocar as sombras necessárias e evitar a superexposição solar. Além disso, o edifício está envolto por vidro duplo de alto grau de proteção solar. A pureza e a repetição das linhas da fachada lhe outorgam características únicas e atemporais que engrandecem seu caráter icônico. Sendo o primeiro edifício deste gênero com certificação LEED no ocidente do país.

Ame 6

O térreo é concebido como uma praça, um grande espaço público, de acesso e de transição para os distintos usos.

Ame 7

Ame 8

Ame 9

Conta com um sistema de elevadores de núcleo triplo para facilitar a operação do Hotel, Escritórios, Estacionamento e Serviços. Para os acessos veiculares e pedonais é proposta uma grande praça com texturas e vegetação onde o pedestre é priorizado em detrimento do automóvel. As texturas predominantes no pavimento são pedras naturais que estendem a geometria da fachada até o piso com regiões pavimentadas colocadas de forma desigual.

Ame 10

Torre Américas 1500 é a primeira etapa de todo um complexo a ser desenvolvido. Essa primeira etapa está localizada em um terreno com uma superfície de 4.116 m2 com uma superfície construída de 29.461 m2 dividida entre os 26 níveis que vão desde o térreo até o último pavimento de escritórios, abaixo do heliporto. O subsolo é desenvolvido em 7 níveis com um total de 28.509 m2 de construção. Seu desenho estrutural é a base de concreto com lajes protendidas e com um núcleo de circulação central.

Ame 11

Matéria publicada por Arch Daily em 20 de novembro de 2017

 

Esta entrada foi publicada em Arquitetura, Cidades. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>