CAPELA SUVELA /OOPEAA

Capela 1

  • Arquitetos: OOPEAA
  • Localização: Espoo, Finlândia
  • Arquiteto Responsável: Anssi Lassila
  • Arquiteto do Projeto: Iida Hedberg
  • Área: 2150.0 m²
  • Ano do projeto: 2016
  • Fotografias: Mika HuismanMarc Goodwin
  • Cliente: Parish of Espoo
  • Equipe de Projeto: Juha Pakkala, Teemu Hirvilammi, Jussi-Pekka Vesala, Hanna-Kaarina Heikkilä, Anis Souissi, Miguel Silva

Capela 2

Capela 3A Capela Suvela foi encomendada pela União da Paróquia Espoo para ser utilizado por eles, a Paróquia Sueca de Espoo e a Cidade de Espoo, servindo toda a comunidade de Suvela. É um edifício multifuncional que oferece espaço para que as pessoas da comunidade o utilizem juntos para muitas de suas necessidades, independente de suas crenças religiosas.

Capela 4O escritório OOPEAA embarcou no desenho e planejamento para a Capela Suvela e o parque comunitário das proximidades em 2012. Com cerca de dois terços dos habitantes sendo de origem estrangeira, Suvela é um dos distritos mais multiculturais da região metropolitana de Helsinki. A diversidade cultural é um rico potencial e um desafio para a comunidade. No projeto da Capela e parque, o objetivo consistia no edifício que possuísse forte identidade própria enquanto entra no diálogo de seu contexto multicultural de vizinhança de subúrbio, proporcionando uma variedade de atividades em espaços funcionais e flexíveis.

Capela 5

Capela 6Devido aos invernos longos, escuros e gelados, os espaços comunitários internos possuem um papel importante enquanto local para que as pessoas se reúnam na Finlândia. Edifícios públicos como escolas e bibliotecas, assim como igrejas e capelas oferecem espaços que são abertos a todos. Ao proporcionar tais equipamentos em lugares onde as pessoas podem se reunir em área comum de um espaço compartilhado tem raízes profundas na tradição da cultura da Finlândia. Estes edifícios servem como plataformas para uma variedade de atividades iniciadas pelos cidadãos, portanto facilitando a troca de ideias através da colaboração e desfrute da vida comunitária. São projetados para incluir espaços comunais que oferecem espaços para reuniões e eventos. A Capela Suvela é parte desta tradição onde a arquitetura de edifícios religiosos oferecem uma moldura para a multiplicidade de funções e um lugar para as pessoas da comunidade se reunirem.

Capela 7

Capela 8

A capela oferece um espaço acolhedor com escala humana e atmosfera convidativa. O edifício serve muitas funções, proporcionando uma base para muitas organizações diferentes e formando um espaço dinâmico para atividade. É primeiramente um local de encontro para membros da comunidade religiosa e outros grupos de pessoas da comunidade.

Capela 9O parque complementa o programa da capela e oferece a oportunidade de utilização do espaço de várias maneiras por crianças e seus pais. Existe um programa de cuidados infantis e atividades para adolescentes.

Capela 10Uma cozinha comunitária que oferece comida a preços baixos também opera no conjunto proposto. A localização de suas funções em diferentes partes do edifício é identificável do exterior também. Enquanto a altura do edifício varia gradualmente, todas as funções são térreas, e o edifício se envolve em uma entidade em forma de U, com um pátio interno no centro.  O campanário é incorporado no volume principal do edifício fornecendo um fechamento maior para o quintal.

Capela 11s funções do edifício se orientam para o pátio interno. A entrada principal está em uma das extremidades do U; a capela e seus espaços auxiliares estão localizados na parte nordeste do edifício. Escritórios e espaços de trabalho para a paróquia, bem como espaços adicionais de reunião e de trabalho em grupo estão localizados na parte central do volume em forma de U. Espaços para crianças e jovens e salas alugadas para a comunidade estão localizadas na parte oeste do edifício.

Capela 12Trata-se de uma estrutura híbrida que mistura elementos de madeira, concreto e de aço, com o senso tátil da materialidade e sua forte presença que podem ser identificados tanto nos interiores como no exterior. A envoltória externa é composta de lâminas de cobre enfatizando a unidade do edifício e este material foi eleito por ser durável e reciclável, além de envelhecer com graça. A madeira de abeto local é largamente utilizada nos interiores.

Capela 13A Capela Suvela é um dos quatro candidatos finalistas nominados para o Prêmio Finlandês para Arquitetura de 2016. Também recebeu o bronze no American Architecture Prize de 2016.

Matéria publicada por Arch Daily em 23 de janeiro de 2016

Esta entrada foi publicada em Arquitetura, Design de Interiores, Inovação. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>