GIRO PELAS MOSTRAS: EXPLORE AS ESTAMPAS E NÃO DURMA NO PONTO.

Passamos um terço de nossas vidas em repouso. Nada mais justo, portanto, do que caprichar no décor do dormitório e fazer dele um delicioso universo particular.

A mostra Quartos & Etc, realizada na capital paulista, em fevereiro, convocou importantes arquitetos e designers para apresentarem as principais tendências do segmento. Quer saber o que mais chamou a atenção? Maneiras muito bem-sucedidas de combinar padronagens.

02

1-    Muita informação o tempo inteiro, vinda de celulares, tablets, computadores, smart TVs….

Esse modo de vida sempre conectado da molecada de hoje é representado no Quarto adolescentes por meio diálogo entre as listras (presentes no jogo de cama e na poltrona) e o rebuscado padrão do papel de parede. Mas, para evitar a poluição visual, Luiz Otávio Debeus e Thiago Seferian, autores do projeto, deram maior peso a uma cor só.

03

2-A predominância de um tom para contrabalançar a variedade de estampas também é aposta no Quarto de Criança, da arquiteta Zize Zink. Ela investiu somente em padronagens clássicas: listras no tapete, poá na cortina e Paisley – esses desenhos que lebram folhas – na parede. Nos pequenos objetos e acessórios, surgem pintadas de rosa, em diferentes nuances, para adoçar o visual.

04

3-Adolescentes são difíceis de agradar. Tendo em mente essa delicada fase de transição, em que a garotada já não é mais criança, mas ainda não amadureceu totalmente, Luciana Penna e Olívia Messa criaram a Cabana dos Gêmeos como um ambiente quase adulto, com direito até tapete com animal print. Um detalhe, porém faz toda a diferença: uma lona no meio solta reveste o teto, simulando uma barraca de acampamento – esse elemento basta para garantir um divertido, porém discreto, toque lúdico.

05

O mix de estampas não é exclusividade do recanto dos filhos. No Quarto do Casal Contemporâneo, a designer Marina Linhares, promoveu o encontro das listras do revestimento da parede com o Chevron – nome dessa estampa em zigue-zague – das almofadas. O equilíbrio é alcançado com a combinação de preto e branco, dupla atemporal e praticamente infalível.

matéria publicada na revista Minha Casa em junho de 2015 por Mônica Barbosa, colunista de design da revista caras.

 

Esta entrada foi publicada em Design de Interiores, Superfícies. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>